Como Montar um Treinamento

1º Passo

Defina qual é o objetivo de treinamento. Em linhas gerais podemos imaginar dois objetivos básicos:

> Treinamento de Produto ou Treinamento Técnico.
> Treinamento Comportamental.

Comece então a montar um Plano de Aula conforme o exemplo abaixo:

Empresa: XPTO Comercial Ltda. Treinamento de Produto: Estojo para Óculos

Objetivo Geral: Capacitar os vendedores para apresentar e argumentar corretamente sobre a nova linha de estojos para óculos.

 

2º Passo

Defina o tempo que você tem disponível para fazer o treinamento, antes de começar a organizar os assuntos. Feito isso, veja se é possível aplicar o treinamento de uma só vez ou em duas ou três reuniões e, se for esse o caso, divida o tempo pelo número de reuniões necessárias.

Empresa: XPTO Comercial Ltda. Treinamento de Produto: Estojo para Óculos

Objetivo Geral: Capacitar os vendedores para apresentar e argumentar corretamente sobre a nova linha de estojos para óculos.

Carga Horária: 4 horas - Aplicação: Duas Reuniões de 2 horas cada.

 

3º Passo

Crie no seu Plano de Aula as colunas relativas à organização do treinamento. Por exemplo:

> O tema “Treinamento de Produto” deverá ser dividido em TÓPICOS para facilitar sua visão da seqüência do Treinamento

> Além do Objetivo Geral do Treinamento, você precisa definir o OBJETIVO ESPECÍFICO de cada TÓPICO. Só assim você saberá porque está apresentado um conteúdo e que utilidade ele tem para o participante do treinamento. Isso serve também para você verificar se o material ou texto que você destina a esse tópico, de fato atende ao OBJETIVO ESPECÍFICO ou não.

> Cada TÓPICO será trabalhado de uma forma ou MÉTODO. Você pode trabalhar um TÓPICO falando sobre o assunto, outro através de um exercício, etc. A variação no MÉTODO é fundamental para que o seu Treinamento não fique cansativo e possa ser proveitoso para quem participa dele.

> Defina que RECURSOS você vai usar para abordar cada TÓPICO do Treinamento. Pode ser material impresso, textos de apoio ou próprio produto.

> Se você definiu que tem 4 horas para fazer o Treinamento todo, precisa prever quanto tempo irá durar o trabalho com cada TÓPICO do programa.

Empresa: XPTO Comercial Ltda. Treinamento de Produto: Estojo para Óculos

Objetivo Geral: Capacitar os vendedores para apresentar e argumentar corretamente sobre a nova linha de estojos para óculos.

Carga Horária: 4 horas - Aplicação: Duas Reuniões de 2 horas cada.

TópicoObjetivo específicoMétodoRecursosTempo


 

4º Passo

Comece a dividir seu conteúdo nos TÓPICOS que comporão o programa do Treinamento e organizá-los de acordo com o que determina cada coluna.

Empresa: XPTO Comercial Ltda. Treinamento de Produto: Estojo para Óculos

Objetivo Geral: Capacitar os vendedores para apresentar e argumentar corretamente sobre a nova linha de estojos para óculos.

Carga Horária: 4 horas - Aplicação: Duas Reuniões de 2 horas cada.

TópicoObjetivo EspecíficoMétodoRecursosTempo
Apresentando a nova linha de estojosFazer com que os vendedores se familiarizem com o produto.Exposição Dialogada*Um exemplar de cada modelo da nova linha.20 minutos
Estudando o material de divulgação.Envolver os vendedores com os materiais de apoio.Estudo Dirigido**Catálogos de Produto.20 minutos

* Exposição Dialogada é o momento em que você fala, mas incentiva os participantes a falarem também, comentando sobre o assunto apresentado.

** Estudo Dirigido é o Método que você usa para que os participantes se familiarizem com um tema ou material e orienta o grupo em suas dúvidas.

 

5º Passo

Prossiga com a mesma seqüência, acrescentado os TÓPICOS do Treinamento, definindo os OBJETIVOS ESPECÍFICOS, o MÉTODO e o TEMPO de cada um, até completar sua Carga Horária final.

Não se surpreenda se faltar ou sobrar um pouco de tempo. Se você nunca fez isso é normal que aconteça. Porém verifique se cada assunto que você vai acrescentando é DE FATO útil para o Treinamento. Não ceda à tentação de colocar coisas que você acha “legais” mas que não tem relação direta com o OBJETIVO GERAL programa.

Se faltar ou sobrar TEMPO, a sugestão é que você volte ao primeiro TÓPICO e verifique se não dimensionou mal o tempo de cada um.

Leve sempre em conta que o grupo de participantes precisa ter espaço para falar, expressar opiniões, fazer perguntas, etc. Isso precisa ser previsto nos tempos de cada parte do programa.

 
 

Espero que este conteúdo tenha ajudado. Você pode encontrar mais informações pertinentes ao tema acessando o nosso blog Dicas & Toques. Para questões mais específicas e direcionadas acesse a página Consultoria Virtual.

André Ganzelevitch


 

102 Comentários

  1. André, sou técnica em segurança do trabalho, recém formada, fui convidada pela empresa que trabalhei a dar um treinamento sobre atendimento, devido ao tempo em que trabalhei com o assunto e aos cursos que fiz sobre o mesmo.
    Sabia que eu precisava documentar e montar um plano de treinamento, mas não sabia como, você me ajudou muito, obrigada!

  2. Olá Andre em média quantas horas de empenho o profissional gasta para cada hora de de um treinamento?
    Qual o valor hora de conteudista ou designer instrucional para criar um treinamento?

    • Vanessa,
      Peço desculpas pela demora na resposta, mas tivemos alguns problemas com nosso servidor de emails.
      1) Para cada hora de treinamento você pode contar de 2 a 4 horas de elaboração, dependendo do grau de dificuldade do tópico a ser trabalhado.
      2) O Valor Hora está diretamente ligado ao grau de complexidade do programa a ser criado. Treinamentos comportamentais ou que exigem habilitação técnica específica poder custar em torno de R$ 350,00 a hora de elaboração (não de aplicação). Já conteúdos mais simples, voltados por exemplo para qualidade de atendimento, técnicas básicas de vendas, rotinas administrativas e outros, terão um custo aproximado de R$ 150,00 a R$ 200,00 a hora de elaboração.
      Espero ter ajudado.

  3. Bom dia, André. Entrei em sua página, pois estou a procura de ferramentas para montar e elaborar treinamentos na empresa em que trabalho. Fiquei muito curiosa com os comentários e mais ainda, encantada com sua simpatia e disponibilidade em responder a todos, sem exceção, isso é muito profissional!!
    Gostaria de uma orientação, estou montando um treinamento comportamental voltado para motivação, onde já levantei o diagnóstico, porém, acredito que a maior desmotivação esteja relacionado a zona de conforto em que se encontram. Como faço para sensibilizá-los a se manterem motivados e deixar a zona de conforto?

    Desde já agradeço sua atenção e disponibilidade.

    • Colega Patrícia,
      Você está com um belo desafio em mãos. Levar as pessoas a mudar é uma tarefa difícil. Mas se conseguir demonstrar os benefícios da mudança, pode ter mais chances de sucesso.
      Num treinamento isso pode ser feito através de jogos e dinâmicas de grupos. Alguma atividade, formando 3 ou 4 grupos, mas com pessoas de várias áreas em cada grupo de modo que possam vivenciar um jogo com colegas com os quais raramente interagem, pode ajudar a ver as coisas por outro prisma.
      A Dinâmica dos Recursos Desiguais é uma boa indicação para isso. Se o treinamento for voltado para integrantes de vários departamentos.
      Se forem todos da mesma área, montar algum case para estudo e debate pode ser uma boa opção também, desde que o case não seja do mesmo ramo de negócio mas possa-se estabelecer comparações pertinentes.
      Se tiver interesse posso enviar-lhe alguns roteiros de dinâmicas de grupo.
      Abração e sucesso.

      • Bom dia! André Ganzelevitch, meu caso é parecido com o da Patricia preciso monta um treinamento motivacional e de modificações de comportamento, mas como a empresa nunca teve esse tipo de trabalho podemos fazer pra saber se teremos qualquer mudança, teria algum conteúdo que pudesse enviar?

        • Bom dia Tatiane,
          Quando se fala em mudar comportamento é preciso definir algumas coisas para termos clareza sobre o cenário que pretendemos alterar.
          1) Quais são os comportamentos indesejáveis que pretendemos mudar.
          2) Que tipo de atitudes são desejáveis para a equipe.
          3) Qual o impacto que os comportamentos indesejáveis tem hoje sobre os resultados da empresa.
          4) Em que medida tais comportamentos são da própria equipe ou estimulados, mesmo que involuntariamente, pela organização em função de remunerações mal elaboradas, clima da empresa negativo, chefias despreparadas, etc.
          Essas quatro questões precisam ser analisadas a fundo antes de preparar qualquer conteúdo de programa interno, pois do contrário, corre-se o risco de aplicar um treinamento que evidencie problemas organizacionais sobre os quais a equipe não tem influência direta.
          Se isso ocorrer, o evento servirá apenas para reforçar os comportamentos indesejáveis.
          Em outras palavras, ao pretender alterar comportamentos de colaboradores precisamos também estar dispostos a fazer ajustes na própria administração da empresa, de modo que os novos comportamentos sejam estimulados.
          Não sei se te ajudei ou se ficou mais complicado, mas recomendo que faça o exercício de responder as questões acima.
          Se tiver essas respostas a preparação de um treinamento ficará bem mais fácil.
          Boa sorte e Sucesso.

  4. REALMENTE COM ESSE PASSO A PASSO NÃO FICA NENHUMA DUVIDA SOBRE COMO MONTAR UM TREINAMENTO, ADOREI TENHO CERTEZA QUE VOU CONSEGUIR FAZER MEU TRABALHO. AGRADEÇO DE MONTÃO……

  5. Olá, gostei muito de pesquisar esta pagina.
    Gostaria de montar um curso basico de quimica para Angolanos, mesmo em Angola. Quero saber se estes passos tambem podem ser seguido
    grata
    dady Duarte

    • Dady Duarte

      Obrigado por sua consulta. Em princípio esse roteiro que apresentamos é um orientador para qualquer tipo de conteúdo.
      Portanto serve sim para seu treinamento de química básica para angolanos.
      A única observação que gostaria de fazer é que, por ser um conteúdo eminentemente técnico, seu maior desafio na montagem desse curso, talvez seja a criação de dinâmicas de grupo e exercícios. Ambos os métodos são fundamentais para o estímulo à participação, mas em conteúdos técnicos, mais difíceis de serem adequadamente usados.
      Desejo-lhe sucesso.

  6. BOA TARDE SR. André Ganzelevitch.
    OBRIGADO PELO PASSO A PASSO POIS TENHO ADQUIRIDO CONFIANÇA AO
    SELECIONAR E INICIAR TREINAMENTO NA EMPRESA QUE TRABALHO AQUI EM SANTOS.
    PARA AINDA MAIS EU ESTA APERFEIÇOANDO MINHA QUALIFICAÇAO, GOSTARIA DE SABER SE É POSSIVEL
    ESTA RECEBENDO UM VIDEO REFERENTE O MESMO?

    • Glauberson

      Desculpe o atraso na resposta. Você pode criar um certificado, desde que seu treinamento seja ministrado através de uma pessoa jurídica em cujo objeto social esteja prevista alguma atividade econômica (CNAE) ligada à área de formação, ensino, palestras ou congêneres.

  7. Muito obrigado querido André!

    O post foi na medida certa para eu desenvolver o roteiro do treinamento. Agora é só continuar lapidar o desenvolvimento e tempo.

    Grande abraço!

    facebook.com/orlandolimacoaching

  8. Prezado André,

    Sou analista de T&D e já ministro vários treinamentos na empresa a qual trabalho, fico muito feliz em saber que esse material é de suma importância para quem está iniciando. Eu já utilizo esse passo a passo para os meus treinamentos e pode ter certeza que no final dá certo. Parabéns pelo material e sucesso.

  9. Obrigada pelo Post… Serviu muito para que eu elaborasse com o trabalho sobre um treinamento de como vender uma nova linha de produtos de ceramica aqui em minha loja, em Pedreira/SP…
    Porém, aprendi que é de extrema importância avaliar, pós treinamento o resultado do mesmo, ou sejam o desempenho dos colaboradores treinados com relação as vendas de cada um… Poderia me dar dicas de como eu poderia fazer isso?

    Obrigada,

    Rita

  10. Gostei muitíssimo do ensinamento q foi passado através desta ferramenta q se mostrou tão eficiente para mim e para muitas outras pessoas. Agradeço muitíssimo pois me será de grande valia em meu novo projeto.
    O q muito me espantou foi motat q o texto foi escrito em 2012 e ainda hj dois anos após, sua autoria tem ainda alcançado tantas pessoas incluindo eu. Parabéns pelo trabalho, pela miçao e pela autoria lindíssima.

  11. Boa tarde André,

    Parabéns, muito fácil o entendimento. Obrigado pelas dicas.
    Estou no momento um pouco preocupado com o treinamento de uma equipe que estou formando, mas agora irei me basear neste roteiro.

    Um abraço!

  12. André boa tarde!

    Parabéns pelo trabalho e muito obrigado pelas dicas e toques tão valiosos.
    Tenho montado treinamentos técnicos é um quesito tem me deixado preocupado. O tempo.
    Não sei se 8 horas de treinamento no mesmo dia é proveitoso, acredito que o máximo seria de 6 horas com respectivos intervalos de duas em duas horas. O que você acha?

    Um forte abraço e sucesso.

    • Olá Walter,

      Obrigado por seu comentário. Quanto ao tempo, na verdade tanto 6 quanto 8 horas ou até treinamentos de dois dias (16 horas) poderão ser proveitosos e estimulantes, desde que as metodologias adotadas sejam variadas.
      O que torna um treinamento cansativo é a monotonia. Por exemplo, se fizermos só Aula Expositiva, 4 horas já será uma tortura.
      Mas se intercalarmos Dinâmicas de Grupo, Exercícios Individuais, Aula Expositiva e Painel de Debates, por exemplo, já temos uma variação capaz de levar uma turma à participação efetiva e motivada, independente da duração do evento.
      Abraço.

  13. Sou formado em Pedagogia e iniciei Pós Graduação em Pedagogia Empresarial; e o meu objetivo e formar uma pequena empresa de treinamento e capacitação, onde poderei fazer treinamentos em Empresas Públicas e Particulares que estiverem com problemas de colaboradores desestimulados.
    Por favor, preciso de uma dica…estou no caminho certo???

    • Prezado Marcos,
      Em primeiro lugar quero cumprimentá-lo pela escolha do caminho empresarial. Há muito que um pedagogo pode fazer nessa área ainda pouco explorada por seus colegas. E treinamentos também são bem vindos. Mas é importante você aprofundar-se no estudo de processos diagnósticos para que ao elaborar programas de treinamento você possa ir ao foco do problema. Quando se fala de “colaboradores desestimulados” é importante considerar que se um consultor externo não souber a fonte da desmotivação, pode ter seu trabalho desacreditado logo nos primeiros minutos.
      E nada é mais constrangedor do que iniciar um evento de capacitação e descobrir que não se está adequadamente informado sobre o cenário da empresa e o clima organizacional que os envolve.
      Mas, sim. Sua escolha é bem interessante e tem muito campo para trabalhar.
      Sucesso!!

  14. Prezado Andre, Boa tarde.

    Parabéns pela metodologia empregada neste passo a passo. Sou professor Universitário e apresentei o mesmo aos alunos que conseguiram desenvolver um plano para aplicação de uma treinamento. Assim, ficou mais fácil o entendimento, entre o Treinamento Técnico, de Produto ou Comportamental.

    Atenciosamente.

    • Prezado Nildo Barbosa.
      Você não sabe como me sinto agradecido e estimulado por seu comentário. É precisamente para nós, profissionais da educação (acadêmica ou corporativa), que publiquei esse roteiro.
      E fico muito feliz que ele tenha sido útil em suas aulas.
      Obrigado.

  15. Excelente este roteiro. Estou preparando um treinamento para minha equipe baseado nele, mas tenho duvidas quanto ao que seria mais ideal. Preparar um comportamental ou um técnico. Você conseguiria me orientar de como discernir entre eles.

    • Prezada Adriana,
      Um treinamento técnico visa a aquisição de habilidades ou conhecimentos específicos e, em geral, é instrumentador, ou seja, serve para capacitar o profissional a FAZER alguma tarefa, executar um procedimento ou cumprir uma ação operacional com maior eficácia.
      Já um treinamento comportamental envolve atitudes e formas de encarar a própria função, a empresa e as relações interpessoais de forma mais abrangente. Está ligado mais ao SER do que ao FAZER.
      Porém, o fundamental é identificar primeiro O QUE é o alvo de qualquer treinamento. Ele deve ser elaborado a partir de uma necessidade clara e passível de ajuste através de treinamentos.
      Portanto, comece perguntando qual o objetivo do treinamento pretendido.
      Espero ter ajudado.

  16. Prezado André.
    Obrigado pelas orientações de como montar um treinamento. Tenho que me preparar para um treinamento voltado para montagem de processo de crédito para análise. Tenho bom conhecimento do assunto, porém me faltava um tutor para organizar os assuntos nas diversas etapa.
    Muito obrigado mesmo.
    Forte abraço e sucesso.

  17. parabéns pelo que vcs fazem para pessoas que tem um sonho e um objetivo, porem não tem o acesso e vcs estão fazendo isso
    desta forma vcs me ajudaram muito a criar um programa bacana de treinamento ….

  18. Caro André,

    Estava a um tempo procurando na web algo simples e objetivo que me desse um norte para organizar um treinamento… e UAU!! me deparei com essa seu texto. Era exatamente assim que estava procurando: Clareza e objetividade. Valeu! Suas dicas foram muito valiosas.

  19. Temos uma pequena empresa de terraplanagem, falta mão de obra especializada(operadores) e há muita procura de pessoas para fazerem treinamento. O que é necessário para montar estes treinamentos ou cursos ? que documentos vamos precisar? podemos dar certificado?.
    OBS. Temos equipe para ministrar, incluindo mecânico, espaço com sala de cursos etc
    Desde já agradeço e aguardo anciosa sua respostas.
    Muito obrigado
    Clair

  20. Olá!
    Gostei muito das dicas!
    Eu sou formada em Engenharia de Alimentos e além do meu trabalho na indústria, eu gostaria de complementar meu orçamento, ministrando cursos e treinamentos relacionados a minha experiência e estudos.
    Gostaria de saber se para emitir certificados é necessário que tenha um CNPJ ou algum tipo de cadastro/registro?
    Meu foco seria para estudantes nesta área.

    Obrigada desde já!

  21. Muito bom e de fácil entendimento, muito obrigada. Poderia dizer-me se seria interessante encaminhar questionario ao participantes para entender o nível de conhecimento de cada um?

  22. Boa tarde, estou iniciando um trabalho de especificações de instrumentos e terei que fazer um treinamento com vendedores , só que eu nunca apliquei nenhum tipo de treinamento, sou novo na empresa e gostaria de receber alguma dica se possível. desde já agradeço

    • Prezado Lívio,
      Você está com um belo desafio nas mãos. Em nosso site há alguns materiais que talvez possam ajudá-lo. Mas uma das coisas mais importantes é você pensar que ensinar alguém, treinar uma pessoa para fazer algo, requer acima de tudo que você tente “pensar com a cabeça do outro”.
      Isso significa um exercício constante de observação do seu público.
      Recomendo que busque em alguma locadora o filme “O Espelho tem Duas Faces” com Barbra Streisand e Jeff Bridges.
      Além de assistir a um excelente filme, você verá a diferença entre “ensinar prá si próprio” e “ensinar para os outros”.
      Te desejo sucesso.
      Andre Ganzelevitch

  23. Olá André, sou formada em Administração e sou apaixonada por treinamentos e seu material será muito útil para mim! Se puder disponibilizar mais materiais ficarei feliiz!

    • Isadora,
      Obrigado por sua mensagem de Dezembro e desculpe por responder com tanto atraso.
      Para você que gosta de treinamento (e caso ainda não tenha assistido) recomendo que busque em alguma locadora o filme “O Espelho tem Duas Faces” com Barbra Streisand e Jeff Bridges. Além de assistir a um excelente filme, você verá a diferença entre “ensinar prá si próprio” e “ensinar para os outros” e descobrirá que a sua paixão certamente é responsável por bons resultados.
      Forte abraço.
      Te desejo sucesso.
      Andre Ganzelevitch

  24. Olá André. Primeiramente quero parabenizar pelo ótimo trabalho em dar essas dicas, tenho certeza que ajudou muitas pessoas, como me ajudou!
    Estou fazendo um trabalho na faculdade, e preciso desenvolver um treinamento de boa comunicação para a turma. Gostaria de uma dicas de como aplicar o treinamento, que método usar (palestras?). As necessidades já foram levantadas.

  25. Ola, eu adorei o passo a passo, me deu uma luz em um trabalho que eu tenho que montar um treinamento para aplicar em 8 horas, gostaria de saber se você tem mais dicas para me ajudar, pois tenho que montar esse treinamento de 8 horas, o que farei em cada tempo e para quem é leigo é algo bem complicado, se puder me ajudar mais agradeceria muito, obrigada desde já.

    • Bárbara.
      Estamos justamente montando um material um pouco mais extenso e detalhado que será colocado em breve no nosso site.
      Acompanhe o nosso Dicas & Toques, todas as quartas feiras, e será informada da data da publicação.
      Obrigado por seu valioso comentário.
      Até breve.
      André Ganzelevitch

  26. Obrigado pela explanação! Estava precisando montar um plano de treinamento para o sistema da empresa onde trabalho. Foi de grande utilidade as informações compartilhadas. Acredito que consegui montar um plano bem consistente e de fácil entendimento.
    Abraço!

  27. Muito obrigado! Estou desenvolvendo um TCC na escola técnica Fernando Prestes em Sorocaba, e o tema abordado foi Treinamento e desenvolvimento de pessoas. Este link foide grande ajuda para mim e para os demais alunos do grupo. E ainda constará nele este site e o vosso nome. Afinal não queremos um plágio em nosso trabalho. ( kkkkk).
    mais uma vez, agradeço em nome do grupo.
    Obrigado.
    Att:
    Cesar Giampietro.

    • Prezado Cesar Gianmpietro
      Temos imensa satisfação em saber que nosso conteúdo foi útil a você e seus colegas.
      Parabéns pela atitude ética e profissional ao citar fonte e dar crédito.
      Muito obrigado por seu comentário.
      Transmita aos seus colegas nosso desejo de sucesso a vocês.
      André Ganzelevitch

  28. Olá adorei o passo a passo.
    Bom eu preciso montar um treinamento comportamental com o tema : motivação pessoa e profissional .
    se você poder me dá umas ficas ficarei muito grata .

    • Luana,
      Obrigado por seu comentário. Montar um treinamento com o objetivo de despertar motivação é um belo desafio.
      Diferente de treinamentos operacionais, que visam mais o desenvolvimento de habilidades específicas, os treinamentos comportamentais requerem algumas ações anteriores como:
      1) Diagnóstico da situação que faz com que o treinamento seja necessário.
      2) Identificação de fatores que levaram à essa situação (se externos, internos, etc.).
      Quando se fala em MOTIVAR, precisamos ter certeza de que o treinamento é o caminho adequado, pois caso contrário pode ser inútil ou até aumentar a desmotivação.
      Por exemplo, se um quadro de desmotivação estiver ligado a condições de trabalho inadequadas ou mudanças na empresa que tenham afetado o envolvimento dos colaboradores, a direção precisa estar disposta a analisar tais situações para que, após o treinamento, alguma medida corretiva possa ser percebida pela equipe.
      Será também recomendável contar com a ajuda de um profissional experiente, pois se há desmotivação, no treinamento ela aparecerá, com certeza.
      E se o instrutor não tiver habilidade para lidar com isso, o cenário da empresa tenderá a ficar pior ainda.
      Espero ter ajudado.
      André Ganzelevitch

  29. Estou montando um treinamento para a equipe de funcionários da empresa que trabalho, e estava totalmente perdida de como fazer, agora com esse passo a passo tudo ficou mas fácil e claro, Parabénsss pela postagem e iniciativa.

    • Claudinéia,
      Você não imagina como ficamos satisfeitos em saber que nosso conteúdo foi proveitoso para você.
      Afinal, é para isso que ele foi pensado.
      Obrigado por seu comentário.
      Acompanhe também nosso boletim Dicas&Toques,
      Até breve
      André Ganzelevitch

  30. Gostaria de agradecer pelo trabalho publicado. Foi muito útil para um treinamento que estamos montando para nossa equipe. É um belo exemplo de como a disseminação do conhecimento pela internet pode nos auxiliar na melhoria de nossas capacidades. Obrigada

  31. Boa tarde,

    Gostaria de agradecer e parabenizar pelo execelente material postado, o passo a passo está estruturado e está me facilitando muito.
    Estou escrevendo um regulamento de padronização de documentação e tenho que aplicar um treinamento para os facilitadores de cada área da empresa.

    • O ideal e um plano de aula como exemplo, já preenchido. Se achar isso útil, posso lhe enviar.
      Em contra partida, gostaria que me informasse seus dados completos para adiciona-lo ao nosso cadastro.
      Obrigado pelo seu comentário.
      Abraço
      André Ganzelevitch

  32. Boa tarde, achei direto e colocado forma simples, mais muito eficiente e lucidativo.
    Através deste espaço, solicito a oportunidade de ser palestrante e treinamento na área comercial, aguardo seu contato, certa de poder contar com sua atenção e carinho.
    Meu contato é (11) 7797-8798

    • Prezada Lúcia Pires,
      Obrigado por suas palavras. Se puder nos encaminhar seu currículo no e-mail “andre@ganzelevitch.com.br” seria interessante.
      Embora não tenhamos, neste momento, uma oportunidade concreta de trabalho, te-lo em nosso arquivo pode acelerar as coisas.
      Como diz uma sábia frase de planejamento “Uma oportunidade não propicia nada que não tenha sido previamente preparado”

  33. Ola Andre, fico feliz em saber que existem pessoas que compartilhem conhecimentos e experiencias .
    Venho fazendo um estudo , para treinamento em empresas em um campo bem carente no Brasil.
    Esses treinamentos tanto serve para micro empresas ou multinacionais.
    Gostaria de saber se existe empresas onde eu pudesse me filiar para ter como parceira , pois estou sozinho nessa ideia.

  34. André boa noite e parabéns pelo material disponibilizado.
    Com certeza ajudou me muito, pois preciso criar um programa de treinamento e confesso que estava um tanto perdido.
    Abraço e obrigado.

  35. Adorei o site e o conteúdo. De fácil entendimento para quem não é muito experiente. Sou estudante, trabalho na área de RH e esse material me ajudou muito a executar alguns trabalhos, e também para me dar mais conhecimento da área de T&D. Consegui muitas dicas e pude aplicá-las ao meu dia-a-dia. Muito obrigada!

    • Eva,
      Obrigado por deixar seu comentário sobre o Passo a Passo que encontrou em nosso site.
      São essas manifestações que nos estimulam a colocar periodicamente novos materiais.
      Siga também nosso mini-newsletter “Dicas & Toques”, sempre com informações práticas para o dia a dia da pequena empresa.
      Até breve.

  36. Olá pessoal,
    Eu trabalho em uma empresa brasileira de desenvolvimento de programas informáticos para hotelaria porém estou trabalhando em nosso escritório em Lisboa. O que faço é configurar o sistema connforme as necessidades dos clientes e dar o treinamento quanto a utilização do mesmo nos mais diversos níveis hierarquicos dentro dos hoteis.
    Os tópicos aqui apresentados são de grande utilidade pois com o passar do tempo acabamos por fazer as coisas de forma um pouco mais automática e esquecemos dos princípios básicos de um treinamento que por sua vez acaba se trabsformando apenas em uma “apresentação” tendo em vista que já conhecemos o assunto a ser tratado no treinamento por completo.
    Eu particularmente adoro dar treinamentos, adoro as situações levantadas tanto pelos recepcionistas quanto pelos diretores entre outros.
    Antes de vir para Portugal eu apenas dava treinamento para clientes no Brasil e hoje dou treinamento em Portugal, Espanha, Cabo Verde, Angola, Moçambique e Chile e tive que adaptar por completo a forma de treinar e o tempo de treinamento consoante as diferenças econômias, culturais e de necessidade de cada cliente em cada país.
    Cheguei a treinar grupos de muçulmanos no período do Ramadã onde eu tinha que parar o treinamento para que pudessem rezar estando de jejum durante 30 dias.
    Tive que sofrer uma metamorfose pois uma coisa é treinar na Europa, no Brasil e outra é treinar quem por vezes faz apenas uma refeição por dia.
    E uma coisa vos digo – não me arrempendo de treinar em 5 horas o que levaria 30 minutos, pois nós que treinamos somos responsáveis pelo desenvolvimento de pessoas seja onde for, tenha as condições que tiver, seja um treinamento dentro de uma grande sala com serviços de coffee braek e altos diretores com equipamentos de última geração assim como em África com todas as suas difiuculdades.

    • Prezado Rodrigo Loretti.
      Você não imagina a enorme satisfação que nos deu o seu comentário. É precisamente desse modo que pensamos aqui. Treinamento, para nós, é um ato quase missionário, no sentido de que somos instrumentos de transformação de pessoas. Nosso saber, por maior que seja, só tem mesmo utilidade e gratificação se for posto a serviço do desenvolvimento humano.
      Infelizmente não tivemos, ainda, a oportunidade de ministrar treinamentos na Africa de lingua portuguesa. Quem sabe um dia conseguiremos, em nossa área de atuação (vendas, marketing e planejamento estratégico básico) preparar e aplicar conteúdos a esses irmãos lusófonos, tão parecidos conosco em tantas coisas.
      PARABENS, sinceramente, por sua forma de pensar sobre treinamento. Certamente você é um grande treinador e deixa saudade e amigos por onde passa.
      Aliás, esse é nosso verdadeiro e único legado. O que formos capazes de fazer pelas pessoas.
      Estamos à sua disposição.
      Aceite nosso fraterno abraço.
      André Ganzelevitch

  37. Acredito que depois de buscar a melhor forma de realizar um treinamento, observei que estes tópicos são de grande importancia para a montagem de um treinamento no Curso de Segurança do Trabalho no qual eu faço, estão de parabens, capacidade vocês tem.

  38. Gostei muito da apresentaçao. Realmente ajuda muito para quem não tem nenhum conhecimento na área (tipo eu), mas que quer iniciar um treinamento.

    Muito obrigada pelas informações!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *