Dicas&Toques 189 – A Difícil tarefa de vender a si mesmo.

D&T70

Quais são suas principais qualidades? Por que uma empresa deveria contratá-lo? Em que você realmente é competente ou que coisa sabe fazer muito bem feita?

Estas foram algumas das questões abordadas por mim na palestra que ministrei nesta terça-feira na Agência de Desenvolvimento Econômico do Grande ABC, em Santo André.

Com um público bastante variado, o tema central foi sobre a forma de preparar um currículo profissional com melhores chances de provocar um convite para uma entrevista e como comportar-se nesse momento.

Claro que não existem regras fixas para nenhuma das duas coisas. Tanto o currículo como o comportamento em entrevistas podem ter características muito distintas de um profissional para outro e também entre diversos segmentos empresariais. Mas alguns aspectos são relativamente passíveis de padronização.

Desde a organização adequada das informações mais decisivas no processo de seleção até alguns cuidados antes, durante e depois da entrevista podem sim, ser considerados um conjunto de regras básicas que facilitam a vida de quem tem a missão de encontrar o profissional certo para a sua empresa.

Mas o maior desafio sempre é como falar de si mesmo de um modo atrativo, sem exageros e tampouco sem excesso de humildade.

De fato o momento de uma entrevista pessoal é tenso e gera algum nervosismo.

Aqui o jeito foi fazermos um exercício com os participantes, estimulando-os a que apresentassem aos demais o que julgavam ser sua principal qualificação profissional.

A princípio tímidos e meio sem graça, aos poucos estas pessoas em busca de ajuda para saírem-se melhor em entrevistas, foram se soltando, falando um pouco mais de si mesmas e em alguns minutos o clima já era de mais descontração e autoconfiança.

Isto! Estimular a autoconfiança é a maior ajuda que se pode dar para quem está num momento de desemprego e busca de recolocação. Sem esse sentimento não há habilidade de redação que produza bons textos nem entrevistador que consiga arrancar o que candidato possa ter de melhor para oferecer.

Isso foi o que tentamos fazer na palestra. Isso foi o que a Agência do Grande ABC propiciou a quem esteve lá.

Aos colegas dessa entidade meu agradecimento pela parceria.

 
Prepare seu Final de Semana.

 

Posted in:
Sobre o autor

André Ganzelevitch

avatar

André Ganzelevitch é consultor Empresarial e Profissional de Treinamento desde 1981.É autor de mais de 60 títulos de Programas de Treinamento, Workshops e Palestras para diversas entidades de apoio empresarial, para aplicação presencial e à distância.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *